Diz que não disse, escreveu e apagou

This may be an incomplete list. If you think we're missing someone or erroneusly added someone, please use the contact form.

@Silva65024187 @CorsinoSarah @Prince_x007 A NATO nunca actuou no Iraque. Ponto. Afirmar isso é divulgar uma mentira.

Ao planear o estacionário do meu escritório, descobri que faço concessões a tendências pretensiosas: meti nos cartões umas "merdas" em inglês género "qualquer coisa párte nére". Falta de carácter, é o que é.

RT @carmoafonso: RT @carmoafonso: "se sentes anticomunismo dentro de ti, fica atento. pode ser fascismo".

@whoisofs No seu caso até considerava alargar o limite para as 2245 semanas.

@Manuel_Cst 2 o raciocínio (enfim, não o é realmente, mas) que expressamente se pode ler, apesar da cobarde tentativa de o refazer, foi "se quer viver aqui... vai ter de compreender" ou seja se não compreender, não tem condições para viver aqui. Tenta lá outra vez meter as mãos pelos pés

Quem quiser perceber o alcance da situação ocorrida (duvido que tenha sido só uma vez), só tem que "googlar" IGOR KHASHIN. Foi este o espião russo e comunista que além de ter colocado a Mulher como funcionária da Câmara, recebeu e interrogou a refugiada Ucraniana.

Vamos supor que o Batalhão Azov não eram apenas 900 soldados num exército de 400.000 e que Zelensky era na verdade um nazi assumido eleito por 70% de Ucranianos, todos eles uns asquerosos nazis empedernidos: que direito teria a Rússia de invadir a Ucrânia? ABSOLUTAMENTE NENHUM

@jmer22000 Nem vou discutir a falsidade do que escreveu. Vamos supor que era verdade. E pimba, o putin já tinha razão para invadir um País soberano. Ouça, vá pregar p'ra outra freguesia que aqui, a sua vigarice intelectual e factual, não pega.

RT @Lusa_noticias: RT @Lusa_noticias: Ucrânia: Alemanha não vê possibilidade de fornecer mais armas das reservas - lusa.pt/article/MNWw%7… https://t.co/bu6A2L…